System of a Down Membros Serj Tankian

Serj Adam Tankian nasceu em Beirute, Líbano, no dia 21 de agosto de 1967.

Quando era estudante, Serj sempre tirava média 4 (no Brasil: A, 9 ou 10), era um bom aluno. Antes de sua carreira no SOAD ele foi o CEO da companhia de software de computador chamada eGames, trabalhou em uma outra empresa de software chamada Ultimate Solutions e já foi vendedor de sapatos.

Durante quatro anos, Tankian teve aulas de canto e também de guitarra quando era pequeno. Em 1993 Serj e Daron se conheceram durante um ensaio e decidiram montar uma banda que incialmente se chamava "Soil", depois de algumas alterações em sua formação eles mudaram o nome para "System of a Down".

Serj e Tom Morello (Audioslave) co-fundaram o 'Axis of Justice', que é uma organização sem fins lucrativos formada por ambos. Em 2004 eles lançaram um álbum ao vivo intitulado "Axis of Justice: Concert Series Volume 1". Além disso, Serj e Tom possuem um programa de rádio mensal que pode ser ouvido pela emissora KPFK em Los Angeles, Califórnia.

Juntamente com o músico Arto Tunçboyacyian (que participou das gravações de algumas músicas do álbum Toxicity), Tankian lançou em 2003 o Serart, um álbum inspirado em músicas das culturas orientais, médio-orientais, ocidentais... enfim, do mundo todo... mas particularmente do oriente médio, de onde eles são originários.

Serj lançou também o 'Cool Gardens', um livro de poemas e prosas, motivado ecleticamente, provocativamente, socialmente e politicamente por bandas de rock.

Ele possui seu próprio selo musical, o 'Serjical Strike Records'. Fundado em 2001 o objetivo do selo é "criar um oásis de diversidade e singularidade dentro da indústria onde fãs de todas as músicas podem encontrar refúgio e conforto do monótono, pragas musicais de cópias-carbono que estendem-se pela cultura comercial."

Em 2007 Serj lançou seu primeiro álbum solo após o início do 'hiatus' do SOAD, 'Elect the Dead'. Em seguida ele formou o FCC (Flying Cunt of Chaos), banda que o acompanhou durante a turnê de seu disco solo. Tankian lançou um videoclipe diferente para cada música do ETD, 'The Unthinking Majority', 'Empty Walls' e 'Sky is Over' foram os que tiveram maior repercussão.

Em 16 de março de 2009, Serj fez uma apresentação ao vivo e inédita ao lado da Orquestra Filarmônica de Auckland, foram tocadas todas as músicas do 'Elect the Dead' em versões orquestradas e até mesmo algumas faixas inéditas. O concerto foi gravado e lançado em CD/DVD em março de 2010 intitulado como 'Elect the Dead Symphony'. Ainda no mesmo ano Serj lançou seu segundo álbum solo, 'Imperfect Harmonies', com estilo um tanto quanto diferente de seu antecessor. Pouco mais tarde foi lançado seu segundo livro, 'Glaring Through Oblivion' e o EP 'Imperfect Remixes' que trouxe o famoso hit 'Goodbye - Gate 21 (rock remix)', que tem a participação de Tom Morello e FCC, virou videoclipe e fez parte da trolha sonora do filme Transformers: Dark of the moon.

Em 2011, além de sair em turnê mundial com o System of a Down, Serj iniciou o processo de composição de seu novo álbum, 'Harakiri', que foi lançado no dia 10 de julho de 2012. De 25 de fevereiro a 2 de abril de 2011, esteve em cartaz a peça musical Prometheus Bound (Prometeu Acorrentado) no American Repertory Theater, em Cambridge, Massachusetts. Trata-se de uma adaptação da clássica tragédia grega de Ésquilo, com músicas compostas por Tankian e roteiro do dramaturgo Steven Sater.

Em agosto de 2011 Serj esteve na Armênia, país de origem de todos os membros do System. Lá ele foi homenageado pelo primeiro-ministro do país, Tigran Sargsyan, recebendo a medalha de honra por seu trabalho pelo reconhecimento do genocídio armênio e destaque na música. Tankian se apresentou pela primeira vez na Armênia, realizando um concerto gratuito com músicas de seus projetos solo orquestradas. No mês seguinte, após 37 anos (ele foi para os EUA aos 7 anos), Serj retornou a sua cidade natal, Beirute para se apresentar na segunda edição do Rock Festival. Seu pai, Khatchadour Tankian, também tocou no festival. Nesse mesmo ano, a música “Total Paranoia” de Serj entrou na trilha sonora do game Batman: Arkham City. Em novembro fez uma participação com Omar Fadel no projeto de Stewart Copeland (The Police) no estúdio Sacred Grove, onde tocaram Qakastan Hymn of the Republic.

Participou do DimeBash 2011, tributo ao guitarrista Dimebag Darrel (Pantera, Damageplan) que foi assassinado no palco por um maluco, em 2004. Com Tom Morello, Serj cantou "The Ghost of Joad". Naquele ano, participou do "The Frank Zappa Aaafnraaaaam Birthday Bundle" cantando “Yellow Snow”.

No mês de junho de 2012, Tankian se casou com sua namorada desde 2004.

Em abril de 2012 lançou “California Nightmare”, um disco com faixas instrumentais para trilha sonora de filmes de ação, TV e video game. Em julho daquele ano lançou seu terceiro álbum de estúdio, Harakiri. Logo após finalizar a turnê com o SOAD, Serj deu início à turnê de divulgação de Harakiri, voltando em 2013 a realizar mais alguns shows com o SOAD.

Em meados de 2013 Serj lançou sua primeira sinfonia clássica chamada 'Orca' e seu álbum de Jazz experimental, 'Jazz-iz-Christ'. Realizou alguns shows contendo músicas de Orca e das versões orquestradas de Elect the Dead Simphony. Mas ele não para, tem planos de fazer um álbum de música eletrônica juntamente com Jimmy Urine, do Mindless Self Indulgence, chamado de 'Fuktronic'.

Lançou um aplicativo para iPad eiPhone chamado IAMSERJ, que permite que o fã faça suas versões em cima das músicas de Serj.

Participou do documentário Artifact, do ator e vocalista do 30 Seconds to Mars, Jared Leto, lançado nos EUA em setembro de 2012 e que aborda o tema de situações problemáticas que podem surgir entre artistas e suas gravadoras.

Serj continua firme e forte em seu ativismo. Gravou e produziu a música “We are the 99 percent”, com Tom Morello e Tim McIlrath (Rise Against) em comemoração de um ano do movimento Occupy Wall Street. Manifestou-se contra o projeto de mineração em Teghut, na Armênia, campanha em favor do Telethon do ANCA (Comitê Nacional Armênio da América), da doação de medula óssea, a favor da preservação da água, da libertação da banda russa Pussycat Riot, financiou um programa de doação de sopa para idosos carentes de Vanadzor, na Armênia. Em 2013 participou da faixa “Out of Line” de Device, novo projeto de David Draiman, vocalista do Disturbed. Também cantou no single “We are”, dedicado a Nelson Mandela e Lucky Dube e com arrecadação revertida para a instituição sul-africana Buskaid. Participou da faixa “Straight out the gate”, do álbum Something else, do rapper Tech N9ne.

Em parceria com a Industrial Toys, compôs trilha sonora para o jogo Morning Star.

Em 2013, realizou a exposição Disarming Time Musical Paintings, que consiste em músicas que ele compõe e ganham vida através de pinturas feitas por ele mesmo. Em suas molduras, Serj utiliza tocadores de MP3 com pequenas caixas de som para que a obra de arte esteja acompanhada da música que inspirou a sua criação. A partir deste trabalho, lançou o aplicativo e site Eye for sound, onde disponibilizou suas obras.

Em 2014, Serj resolveu viajar menos. Fez apenas uma única apresentação com músicas de Orca e Elect the Dead Symphony em Christchurch, Nova Zelândia, e divide seu tempo entre composições de pintura e música e trabalhando numa fazenda com compostagem na terra kiwi. Juntamente com o compositor neozelandês John Psathas, está trabalhando em uma peça nova que trata de genocídio e holocausto chamada “100 years”.

É por tudo isso que Serj Tankian foi eleito um dos músicos que mais inspiram mudanças globais.

Informações Adicionais

Signo: Leão
Olhos: Castanhos
Cabelos: Pretos
Altura: 1,82
Irmãos: 1 irmão, Sevag
Hobbies: Basketball
Estado civil: Casado
No SOAD: Vocalista, tecladista e compositor