John Dolmayan fala sobre crise no Afeganistão: ‘Temos que exterminar o Talibã’

Desde o começo deste mês o Talibã, grupo armado fundamentalista, iniciou uma grande ofensiva que avançou rapidamente entre pequenas províncias a grandes cidades, como Kunduz e Herat, visando o controle total do Afeganistão, país localizado no centro da Ásia.

Com fortes demonstrações de poderio, representantes do alto escalão do grupo extremista já chegaram à capital afegã, Cabul, para um processo de formação de um novo governo.

John Dolmayan, que é natural do Líbano e vivenciou situações parecidas quando sua família fugiu do país após uma guerra civil nos anos 70, usou o seu Instagram oficial para comentar sobre a grave crise política e humanitária no Afeganistão. O baterista do System Of A Down culpou recentes líderes dos EUA pela tomada de poder e também defendeu o “extermínio” do movimento fundamentalista. Palavras de Dolmayan:

“Estou me sentindo muito mal com a situação dos nossos aliados abandonados. Mulheres que estão sendo estupradas e homens ignominiosamente mortos por causa de nossas políticas imprudentes e impensadas. Recentemente, tivemos muitos líderes ineficientes e isso causou danos incalculáveis internamente e no exterior. Precisamos ser a América que defende os fracos e socorre aqueles que, desesperadamente, necessitam de amparo. Precisamos exterminar o Talibã permanentemente e impossibilitar sua formação novamente. Precisamos ser patriotas de novo.”

Postagem original:

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por John Dolmayan (@johndolmayan_)

Nenhum comentário